Número de mortes relacionadas a eventos climáticos dobrou em 2010

Nos primeiros 9 meses deste ano, mais de 21000 pessoas em todo o mundo morreram devido a eventos relacionados ao clima, é o que diz um estudo publicado recentemente pela Oxfam. Isto corresponde a mais que o dobro de mortos em 2009 pela mesma razão.

Fonte: AP

Esta notícia pode não ser surpresa para aqueles que seguem os noticiários internacionais, as enchentes no Paquistão, a onda de calor na Rússia e o aumento do nível do mar em várias ilhas,  eventos que foram muito comentados, causaram perdas massivas.

A Oxfam publicou este estudo (disponível aqui em inglês), a tempo de coincidir com o início da Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas (COP 16) em Cancún, México. Apesar das expectativas de progresso no evento serem relativamente baixas, a organização pretende enfatizar que enquanto a COP 15 falhou e as políticas do clima nos Estados Unidos não inspiram confiança, o aquecimento global ainda é um problema que existe e já está impactando vidas.

Durante este ano tivemos mais casos de eventos climáticos extremos do que a média de dez anos de 770. É um dos anos mais quentes já registrado. O Paquistão alcançou os 53,7ºC, a temperatura mais alta já marcada na Ásia.

2000 pessoas morreram nas enchentes no Paquistão, e o estudo revelou que durante a onda de calor na Rússia, a taxa de mortalidade diária em Moscou dobrou. E esses são apenas os dois casos mais publicados.

Por estes motivos a Oxfam está pedindo pelo estabelecimento de um Fundo do Clima em Cancun, para ajudar as nações mais pobres a se prepararem para os impactos das mudanças climáticas. O grupo também faz questão de lembrar que a prevenção é muito mais barata do que a contenção dos desastres. No ponto em que nos encontramos, nós não iremos conseguir parar as mudanças climáticas por completo, por isso precisamos garantir que os países mais vulneráveis tenham ferramentas para lidar com elas.

Email this page
Este post foi publicado emAquecimento Global e tags , , . Bookmark o permalink.Este conteúdo está fechado ara trackbacks, mas você podepostar um comentário.

Deixe uma resposta